Policial que perdeu uma perna adota um cão sem duas patas na Califórnia

Um detetive da polícia de San Diego, Califórnia, que perdeu a perna num acidente e passou a usar prótese, adotou um cão que passou por um trauma semelhante ao dele. Chappie Hunter e a família adotaram Chloe, uma Shih Tzu de 9 anos. A cadela sofreu amputação das traseiras amputadas após maus-tratos e foi resgatada por uma ONG animal. Chloe recuperou-se com o apoio da família Hunter e usa igualmente próteses fabricadas à medida pelos veterinários da Sociedade de Bem-Estar Animal Campus. Chappie diz que se identifica com a difícil jornada de recuperação da cadela Chloe.

“Sei como ela se sente”, diz o polícia amputado

Chloe “passou um trauma, assim como eu”. “Tem próteses, como eu tenho, e é bom saber como ela se sente. Só que, na verdade, é ela quem está a ajudar-me”, disse Chappie à Fox News. Agente do Departamento de Polícia de San Diego, perdeu a perna esquerda num acidente de carro em Alpine, há oito anos, e usa uma prótese na perna desde então e acabou por voltar ao trabalho depois de um ano de operações.

Chloe foi um de dois cães resgatados pela San Diego Humane Society em 6 de março de 2021. Os polícias encontraram-na com um chihuahua de 13 anos, Roxy, numa casa em Mira Mesa. Os animais tinham ambos as patas amarradas de tal forma que o fluxo sanguíneo foi suprimido. Chloe teve de ser amputada. Seth Mathus Ganz, da Agile Veterinary Surgery, foi quem operou os cães e diz nunca ter “visto tamanha maldade”. Chloe recebeu as próteses ortopédicas para ajudá-la a caminhar e Roxy aguarda adoção enquanto recupera de um enxerto de pele numa das patas traseiras.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem