Passageiro é retirado de voo nos EUA por se recusar a usar máscara

Um passageiro da American Airlines foi retirado de um voo de New York para Dallas por se recusar a usar máscara de proteção. Segundo a companhia aérea, Brandon Straka não quis cumprir a determinação exigida pela empresa. As informações são da CNN.

De acordo com a CNN, este é o primeiro caso de passageiro que foi impedido de viajar por não usar máscara, desde que as medidas mais rígidas contra o novo coronavírus passaram a valer.

“Depois que ele se recusou a cumprir as instruções fornecidas pela tripulação, os membros da nossa equipe pediram para ele desembarcar. Ele desembarcou e o voo partiu do portão quatro minutos atrasado às 12:34 pm ET”, disse a companhia aérea em comunicado.

Segundo a American Airlines, o voo do passageiro foi remarcado e ele concordou em cumprir as políticas da empresa e usar máscara.

Straka disse que usava uma máscara fornecida pela empresa, mas a retirou quando estava a bordo do avião e ninguém reclamou. “Isso é insano. Absolutamente insano”, disse o passageiro em um post nas redes sociais. “Nós nem temos mais escolha”, desabafou em entrevista à CNN.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem