Pai de bebê que morreu em uma fralda infestada de vermes é condenado à prisão perpétua

Um homem de Iowa foi condenado à prisão perpétua pela morte de seu filho recém-nascido, que foi encontrado em um balanço de bebê infestado de vermes.

O jornal The Waterloo-Cedar Falls Courier relata que o juiz Richard Stochl condenou nesta terça-feira, dia 04, Zachary Paul Koehn, de 29 anos, à sentença de prisão perpétua sem liberdade condicional, como era obrigatório sob a lei estadual.

Koehn foi anteriormente condenado por assassinato em primeiro grau pela morte de Sterling Koehn, de quatro meses de idade.

Os médicos foram chamados para um apartamento em Alta Vista em agosto de 2017 e encontraram o bebê morto no balanço em um quarto escuro e sufocante. Uma autópsia mostrou que ele havia morrido de desnutrição, desidratação e uma infecção por Escherichia coli que ele contraiu por que ficou com uma fralda infestada de larvas por até duas semanas.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password