Duas mulheres são presas pelo assassinato de médico na Califórnia

Uma ex-modelo presa na Califórnia pelo assassinato de um psicólogo, no mês passado, fez uma aparição em um Tribunal de Las Vegas (Nevada) no mesmo dia em que uma suposta cúmplice se entregou à polícia, de acordo com as autoridades informaram nesta segunda-feira, dia 15.

Kelsey Nichole Turner, 25, nega categoricamente qualquer envolvimento na morte do doutor Burchard, conforme informou o seu advogado, Brian James Smith, à Associated Press. Turner foi preso em 21 de março em Stockton, na Califórnia, e foi transferida sob custódia, na sexta-feira, para a prisão de Clark, em Las Vegas. Ela está sendo mantida sem direito a fiança.

O advogado disse que, no sábado, um juiz agendou uma audiência preliminar para o dia 3 de junho sobre as provas do assassinato de Thomas Kirk Burchard, 71, de Salinas, Califórnia.

Também no sábado, Diana Nicole Pena, de 30 anos, se entregou para detetives em Las Vegas após ser citada em um mandado de prisão que a acusava de assassinato e conspiração na morte de Burchard.

Um terceiro suspeito, Jon Logan Kennison, ainda está sendo procurado. Hadfield disse que ele tem 27 anos de idade.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem