Cervejaria dona da Budweiser quer produzir “cerveja com maconha”

A AB InBev, maior cervejaria do mundo, disse nesta quarta-feira, dia 19, que está fazendo uma parceria com a canadense Tilray para investigar o possível desenvolvimento de bebidas infundidas com cannabis.

É a última grande empresa a começar a explorar o mercado de maconha após as decisões de legalizar a maconha recreativa no Canadá e em vários estados dos Estados Unidos. A AB InBev e a Tilray investirão 100 milhões de dólares juntas na pesquisa de bebidas não alcoólicas contendo elementos de cannabis.

“Pretendemos desenvolver uma compreensão mais profunda sobre possíveis oportunidades de negócios”, disse Kyle Norrington, presidente da subsidiária canadense da AB InBev, Labatt Breweries, em um comunicado.

Por enquanto, a AB InBev está considerando apenas o uso de ingredientes de cannabis no Canadá. A empresa, cujas principais marcas incluem Bud Light e Stella Artois, decidirão se os produtos de maconha são comercialmente viáveis, em uma data posterior.

As ações da Tilray, que estão listadas na Nasdaq, aumentaram após o anúncio da parceria, ganhando perto de 13% de pré-comercialização na quinta-feira. A empresa, com sede em British Columbia, é especializada em produtos medicinais de cannabis.

Suas ações mais do que quadruplicaram desde que se tornaram públicas na Nasdaq em julho. Os patrocinadores da empresa incluem o investidor bilionário Peter Thiel, a empresa de private equity Privateer Holdings.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem