Após vandalizar monumento em Boston, filha de Congressista de Massachusetts é presa por agredir policial

A filha da deputada dos Estados Unidos por Massachusetts, Katherine Clark, foi presa durante um protesto na noite de sábado (21), em Boston Common, e posteriormente acusada de agressão depois que um policial foi ferido.
Em um comunicado em seu site, o Departamento de Polícia de Boston disse que a jovem de 23 anos deve ser indiciada no Tribunal Municipal de Boston.
Clark, a líder democrata na Câmara, disse em um tweet que sua filha, Riley Dowell, havia sido presa. “Eu amo Riley, e este é um momento muito difícil no ciclo de alegria e dor”, escreveu ela. “Isso será avaliado pelo sistema legal e estou confiante nesse processo”, acrescentou.
Clark já falou publicamente sobre os medos de sua própria filha não-binária em meio ao fanatismo direcionado a pessoas transgênero.
Segundo o relatório, os policiais responderam a um chamado no Parkman Bandstand Monument, localizado dentro do Boston Common. Eles encontraram uma pessoa, identificada como Dowell, moradora de Melrose, vandalizando o monumento com tinta spray e frases antipoliciais.
Durante a prisão, “um grupo de cerca de 20 manifestantes começou a cercar os policiais enquanto gritava palavrões por meio de megafones na via pública, causando a paralisação do tráfego”, disse a polícia, acrescentando que “um policial foi atingido no rosto e teve sangramento no nariz e na boca”.
Dowell foi acusada de agressão com uma arma perigosa, destruição e vandalismo de propriedade pessoal e dano à propriedade por pichação.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem