Polícia diz que homem importava armas dos EUA e vendia para traficantes e milicianos do Rio

Policiais Federais prenderam na última segunda-feira (20), um homem de 32 anos, que está sendo acusado de vender armas para traficantes e milicianos no estado do Rio de Janeiro. Ele foi localizado na Região Metropolitana do Rio.
Segundo as investigações, ele trabalhava da seguinte forma, importando as peças das armas, que vinham da China, logo depois ele montava e aí revendia no Rio e em outros estados. Com isso ele é acusado de tráfico internacional de armas.
As investigações mostram que todas as suas negociações eram feitas por aplicativo de conversas online. Três meses atrás foi identificado pelos policiais que o homem teria importado carregadores de munições vindas dos Estados Unidos.
Foi informado pela PF que o homem não possuía a devida autorização para pose ou porte de armas de fogo. De acordo com ainda com a polícia, o homem passou a fazer parte da lista de tráfico internacional de armas depois de comprar, um material conhecido como ‘kit Roni’, que é um adaptador para transformar pistolas em submetralhadoras.
A PF ainda cumpriu alguns mandados de prisão e apreensão em alguns pontos da Zona Norte do Rio.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem