Influenciadora brasileira fica detida três dias em aeroporto de Los Angeles e é deportada depois

A influenciadora Josiane Domingos foi um dos assuntos no início desta semana depois que ela compartilhou como aconteceu a sua deportação. De acordo com ela, que tem quase três milhões de seguidores no TikTok onde é conhecida como Jojô, a detenção aconteceu no aeroporto internacional de Los Angeles (Califórnia).
Ela disse que foi “um pesadelo” tudo que vivenciou.
A influenciadora tem cidadania portuguesa e mora em Londres, na Inglaterra. Por isso, ela chegou aos Estados Unidos com o passaporte europeu, e o visto necessário – o ESTA – estava atualizado. Mesmo assim, ela foi abordada por agentes de imigração assim que saiu do avião.
Jojo relatou que ficou três dias sob a custódia da agência de imigração e depois, foi deportada sem ouvir qualquer tipo de justificativa.
Em um vídeo divulgado na internet, ela disse que tem medo de voar e por isso teve crises de pânico durante todo o voo. “A tripulação da aeronave me deu uma máscara de oxigênio para me ajudar”, disse.
O problema é que quando o avião aterrissou, policiais e agentes de imigração já estavam esperando por ela. A brasileira disse que foi informada por um deles que “como eles foram pegá-la diretamente na fila de desembarque é porque havia algo errado”.
Jojo ainda tentou questionar, mas os agentes foram ríspidos e a levaram para a sala de imigração, onde ela diz ter “vivido dias de pesadelo”. “Eles me tiraram o celular, minhas malas e documentos e fui interrogada por horas seguidas”, lembra.
Ela tentou mostrar que trabalhava com a internet e que o seu passaporte europeu e visto eletrônico estavam em ordem, mas os agentes não quiseram saber. “Me senti atacada e agredida verbalmente a todo o momento e acredito que passei por isso pelo fato de ser uma mulher latina”, disse. “Eu sei que os Estados Unidos têm um histórico de preconceito forte”, acrescentou ela.
De acordo com a brasileira, alguns agentes insinuaram várias vezes que ela era uma prostituta ou estava envolvida com gangues e tráfico de drogas.
Depois de algum tempo, ela comprou passagem de volta para Londres e iria voltar por conta própria. Mas o pesadelo estava apenas começando. A brasileira foi impedida de embarcar e ficou detida por mais dois dias.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem