GMB apoia 7 projetos e marca ação em favor dos imigrantes

O Grupo Mulher Brasileira está apoiando sete projetos de lei neste período legislativo e todos obtiveram um bom número de adesões de senadores e deputados estaduais. O projeto Ato Comunidades Seguras, do senador James Eldridge, que previne a polícia de perguntar status imigratório e de trabalhar como agente da imigração, tem 95 assinaturas, 75 de deputados estaduais e 20 de senadores estaduais. O projeto da carteira de motorista, do senador Brendan Crighton, teve 82 assinaturas nas duas casas.

Dois outros projetos de lei, que protegem os direitos trabalhistas dos trabalhadores, independente de status imigratório, totalizaram 204 apoios. O projeto do senador Eldridge, que protege o seguro por compensação de trabalho no caso de acidente de trabalho, teve 57 apoios dos deputados e 4 dos senadores. O projeto do senador Sal DiDomenico para prevenir o roubo de salário obteve 116 assinaturas de deputados e 27 dos senadores.

Dois outros projetos, que garantem benefícios para famílias e aumentam o percentual do benefício para famílias com renda abaixo da linha de pobreza, foram endossados por 182 deputados estaduais e 46 senadores estaduais. O projeto do deputado Antonio Cabral, que extingue os Acordos 287g, foi apresentado mas ainda não se sabe quantas assinaturas arrecadou.

A próxima grande ação em defesa destes projetos será dia 4 de março próximo, quando participaremos do Dia do Imigrante na State House. O Grupo Mulher Brasileira espera reunir um grande número de brasileiras e brasileiros para visitar os legisladores e pedir apoio para os projetos, principalmente o Ato Comunidades Seguras e o da carteira de motorista.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem