Brasileiros estão entre os doze que se declararam culpados por contratar imigrantes ilegais e fraudar o governo dos EUA

 

 

Doze pessoas admiritam a culpa pelas acusações relacionadas a fraude tributária trabalhista e contratação ilegal de imigrantes indocumentados. As autoridades reveleram os dados desta que é a maior operação criminosa do IRS na história de Myrtle Beach.

Os indivíduos estão ligados a sete empresas relacionadas à construção, de acordo com o Ministério Público dos EUA.

No final de 2018, o IRS and Homeland Security Investigations (HSI) começou a investigar o saque ilegal de cheques entre empresas de construção na área de Myrtle Beach e ao longo da costa da Carolina do Sul.

A investigação descobriu que várias empresas usavam as lojas de troca de cheques para contratar cidadãos indocumentados sem ter que pagar impostos trabalhistas.

As investigações mostraram que representantes de uma empresa de construção se encontravam nos estacionamentos com funcionários de lojas de varejo ou cafés, apos quais entrevagam cheques não declarados de acordo com o escritório do advogado.

Após receber os cheques, os funcionários davam um saco de dinheiro que seria usado para pagar os funcionários.

Os descontadores de cheques também davam falsos certificados de seguro afirmando que seus trabalhadores estavam cobertos pelo seguro de compensação do trabalhador, de acordo com o Ministério Público dos EUA.

“Isso também vitimiza esses trabalhadores”, disse Derek Shoemake, Pprocurador-assistente dos EUA. “Eles trabalhavam sem seguro. Se um deles cair de uma escada, não há seguro real para cobrir o tratamento médico. Portanto, este era um esquema generalizado que causava prejuízos em muitos níveis”, disse Shoemake.

As autoridades estimam que pelo menos US $ 15 milhões em cheques foram descontados pelos 12 acusados, o que resultou em milhões de dólares em perdas.

Estima-se que pelo menos dezenas de milhões de dólares em impostos foram perdidos devido a esquemas semelhantes.

Entre os suspeitos estão brasileiros.

Daniel A. Lavoie, 49, of Conway (Daniel Lavoie Construction Services)

Enrique R. Reyes, 48, of Conway (Daniel Lavoie Construction Services)

Walter A. Duran, 45, of Myrtle Beach (Duran Masonry)

Lisa Caulley Sellers, 57, of Myrtle Beach (Duran Masonry)

Ming Xue Nan, 52, of Myrtle Beach (Extreme Siding)

Katherine L. Welker, 39, of Myrtle Beach (Extreme Siding)

Marylany Hardman Levino, 36, of Myrtle Beach (Master Homes Calabash)

Josafa P. Neto, 43, of Myrtle Beach (Master Homes Calabash)

Saul Prieto, 56, of Myrtle Beach (Metro Concrete Finishers)

Martha E. Zarate, a/k/a Martha E. Prieto, 54, of Myrtle Beach (Metro Concrete Finishers)

Marcos Caetano De Almeida, 45, of Myrtle Beach (Master Homes Design Center)

Johanna A. Carpio, 38, of Myrtle Beach (Paint by Numbers)

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem