Brasileiro considerado perigoso é preso após seis horas de negociação com a SWAT em Maynard

Policiais cumpriram um mandado de “alto risco” em uma casa em Maynard (Massachusetts) na quinta-feira (07) e prenderam dois suspeitos considerados “perigosos”. A prisão aconteceu após um impasse de horas controlado pela SWAT, disseram autoridades.

Oficiais locais, policiais estaduais, oficiais do ATF e uma equipe da SWAT foram a uma casa na Acton Court, por volta das 7:15 a.m., sobre uma possível presença de armas de fogo no interior, provocando um longo período de negociação.

Um suspeito adolescente foi detido e seu nome não foi divulgado. O outro preso foi o brasileiro Edson da Silva, 18 anos, de Whitman, foi levado sob custódia pouco antes da 1:00 p.m. e uma arma de fogo foi encontrada na casa.

Edson era procurado pela justiça por várias acusações, incluindo roubo à mão armada.

Ninguém ficou ferido nesta operação. Os moradores que foram evacuados do bairro foram autorizados a voltar para suas casas.

“Somos muito gratos por ter tais parceiros de aplicação da lei em Massachusetts, incluindo nossa filial local de ATF, a polícia estadual e os policiais municipais altamente treinados que compõem a equipe da SWAT”, disse o chefe de polícia Mark Dubois. “Graças a uma operação eficiente e ordeira, dois suspeitos perigosos foram detidos.”

Dubois também disse que ainda não foi descoberta qual a relação entre os dois suspeitos.

A casa permanece fechada pelas autoridades e investigadores realizarão os procedimentos adequados para uma busca mais completa nas instalações. A investigação está em andamento.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem