Morador da Flórida é condenado por transportar imigrantes ilegais

Um motorista de caminhão que tentou contrabandear 73 imigrantes através de um posto de controle do Departamento de Patrulha de Fronteira dos Estados Unidos (CBP, sigla em inglês), em junho, se declarou culpado. De acordo com documentos judiciais, Clarence Perry foi condenado no dia 3 de setembro por crime de conspiração para transportar imigrantes sem documentos dentro dos Estados Unidos.

Ainda, de acordo com as informações, Perry chegou por volta das 11:40 p.m., no dia 23 de junho, no posto de controle da Interestadual 35. Ele dirigia um caminhão com uma carreta branca. Durante a inspeção primária, os agentes notaram que a “linguagem corporal nervosa” dele foi o que chamou a atenção. Questionado sobre a carga, Perry afirmou que não tinha certeza do que estava transportando.

Perry então, supostamente, concordou em fazer um exame de raio-X no caminhão. A varredura revelou anomalias dentro da carreta, que tinha uma temperatura de 91 graus Fahrenheit. Os agentes descobriram 73 imigrantes.

Em um interrogatório após a prisão, Perry afirmou que um homem chamado “David” o abordou e perguntou se ele dirigiria um caminhão de Laredo a San Antonio. Perry disse que inicialmente recusou, mas ligou para “David” depois de perder o emprego e precisar de dinheiro.

“David” enviou a Perry US $ 700, e ele comprou uma passagem de avião de Tampa Bay, Flórida, para Laredo. O acusado acrescentou que o caminhão estava lacrado quando ele o viu pela primeira vez, e que “David” não forneceu um documento de carga, de acordo com documentos judiciais.

A sentença está marcada para ser divulgada no dia 1º de dezembro e ele pode pegar até 20 anos de prisão e/ou multa de US $250.000.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem