Imigrantes são encontrados em casa cheia de lixo e fezes humanas

Dez imigrantes ilegais foram encontrados em uma casa no Arizona repleta de lixo, comida em decomposição e fezes humanas.

Os agentes da Patrulha de Fronteira em Douglas, uma cidade na fronteira com o México, invadiram uma casa na quarta-feira, dia 13, depois de observar vários veículos deixando pessoas ao longo de todo o dia anterior.

Dentro da casa foram encontrados 10 mexicanos, sendo 9 homens e uma mulher com idade entre 18 e 41 anos. Eles estavam vivendo em condições horríveis. Além da sujeira na casa, a temperatura era de quase 37 graus Celsius.

Eles estavam em meio a muito lixo, comida apodrecida e fezes humanas, segundo apontou um relatório do ICE.

Os imigrantes foram levados para a estação de Douglas, onde foram indiciados por violações de imigração. A descoberta ocorreu apenas um dia depois que dezenas de imigrantes foram encontrados na traseira de um caminhão perto do aeroporto internacional de San Antonio.

O ICE encontrou no caminhão, 54 pessoas, incluindo algumas crianças, do México, Guatemala, El Salvador e Brasil. Cinco foram levadas para um hospital local para serem medicadas.

No início deste mês, seis imigrantes do México foram encontrados dentro de armários lotados que estavam sendo transportados pela fronteira em Laredo, no Texas.

As descobertas acontecem em meio a um debate acirrado sobre a política de segurança nas fronteiras chamada de “tolerância zero” aplicada pelo governo Trump.

O Departamento de Segurança Interna anunciou na sexta-feira, dia 15, que 1.995 crianças foram separadas de 1.940 adultos mantidos em controle de fronteira entre 19 de abril e 31 de maio.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem