Em discurso Trump pede US$1 trilhão para programa de infraestrutura e legalização de jovens

Em seu primeiro discurso sobre o Estado da União, nesta terça-feira, dia 30, o presidente Donald Trump fez um apelo à unidade perante um Congresso conflagrado em torno da investigação sobre a interferência de Moscou na eleição que o levou à Casa Branca em 2016. “Esse é o nosso novo momento americano”, disse Trump, célebre por declarações ofensivas à oposição, a minorias, ao FBI, a outros países e a integrantes de seu próprio governo.

“O estado da nossa União é forte, porque nosso povo é forte. Juntos estamos construindo uma América mais forte e orgulhosa”, afirmou. “E há uma coisa da qual eu me orgulho: o desemprego entre afro-americanos chegou ao seu nível mais baixo em todos os tempos. Assim como o desemprego entre hispano-americanos também chegou ao seu nível mais baixo”.

“Desde as eleições, criamos 2,4 milhões de novos empregos, incluindo 200 mil novos empregos somente na indústria”. Em seguida, Trump afirmou que os Estados Unidos finalmente “viraram a página em décadas de negociações comerciais injustas que sacrificaram nossa prosperidade e enviaram nossas empresas, nossos empregos e a riqueza de nossa nação para outros países”.

Pelo menos 12 parlamentares democratas boicotaram o pronunciamento, o maior número desde os anos 70, durante governo de Richard Nixon. Trump já havia feito apelos à unidade quando se dirigiu a uma sessão conjunta do Congresso no ano passado, mas a moderação do teleprompter se perdeu no mar de tuítes bombásticos postados nos meses seguintes.

Trump também se ateve ao script e pediu apoio dos democratas para aprovar um programa de US$ 1 trilhão de infraestrutura e uma reforma do sistema de imigração que regulariza a situação de 1,8 milhão de jovens levados ao país quando eram crianças, mas reduz de maneira drástica a entrada legal de imigrantes.

“Eu estou pedindo a ambos os partidos que se unam e nos deem a infraestrutura segura, rápida, confiável e moderna que nossa economia precisa e nossa população merece”, afirmou Trump. “Estendo a mão para trabalhar com membros de ambos os partidos, democratas e republicanos, para proteger nossos cidadãos de todas as origens, cores e credos.”

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password