Mexicano cria papel higiênico “Trump” e quer reverter vendas para ajudar imigrantes

Da redação –  Imagine que você tem como briefing apenas a aversão pelas ideias de Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos.

Alguém com esse pensamento em mente resolveu desenvolver uma marca de papel higiênico cujas vendas são revertidas para imigrantes. O mais curioso é que ela não foi criada por um publicitário, como costuma acontecer em casos como esse, mas sim por um advogado.

A ideia é do mexicano Antonio Battaglia e foi motivada pelo tom ofensivo utilizado por Trump ao se referir aos mexicanos em seu discurso, sobretudo quando esteve em campanha eleitoral. “Resolvi criar algo que tivesse impacto a partir do meu incomodo.

Nada que soasse em tom de brincadeira ou de vingança, mas que gerasse alguma coisa positiva”, revelou. Apesar de não saber ainda quando e como vai produzir a novidade, Battaglia já tem em mãos o registro da marca Trump no Instituto Mexicano de Propriedade Industrial desde agosto de 2015.

A única certeza, segundo o advogado, é que 30% das vendas serão revertidas para apoiar imigrantes.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password