Massachusetts recruta médicos aposentados para combater covid-19

O estado de Massachusetts está recrutando médicos, enfermeiros e terapeutas respiratórios aposentados para combater a pandemia do novo coronavírus, de acordo com o site do Boston Globe.
A médica Paula Aucoin, 68, está entre os que foram chamados. O hospital de Pittsfield a recrutou no dia 7 de março, quando registrou seu primeiro caso de infecção. A médica substituiu outro médico, que tinha sido exposto ao vírus e precisava fazer quarentena por duas semanas.
Especializada em doenças infecciosas, Aucoin havia encerrado a prática da medicina em 2018. “Foi impressionante a facilidade com que esse vírus se espalhou”, disse.
Se preparando para uma possível onda de casos de covid-19, que pode afetar inclusive os profissionais de saúde que estão na ativa, o governador do estado, Charlie Baker, pediu aos aposentados que voltem a trabalhar.
A maioria dos hospitais em Boston estão relatando aumento drástico no número de funcionários que testaram positivo para o vírus.
Até hoje, o conselho estadual de medicina emitiu 1.368 licenças temporárias de emergência, número que deve crescer significativamente. O conselho também está dando permissão de trabalho a estudantes de medicina do quarto ano e permitindo que os graduados em medicina iniciem seus estágios mais cedo.
Outros estados no país já tomaram a mesma iniciativa, como Nova York, o mais atingido nos EUA, onde mais de 76 mil profissionais na área de cuidados com a saúde se alistaram para colaborar durante a pandemia.
O país tem 163.539 casos oficiais da doença e 2.860 mortes, até o momento.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem