Irmão de homem achado enforcado é morto pela polícia, diz advogado

O irmão de Robert Fuller, homem negro encontrado enforcado na semana passada na cidade de Palmdale, Califórnia foi morto a tiros ontem por policiais, disse o advogado da família. “Esta tarde, tive que notificar as irmãs de Robert Fuller que seu meio-irmão Terron Jammal Boone foi morto pelos policiais do xerife do condado de Los Angeles no condado de Kern”, disse Jamon Hicks em comunicado, segundo a rede de TV norte-americana CNN.

De acordo com veículos locais, como o The New York Post e a CBS News, policiais tentaram deter o homem em um carro suspeito de sequestro e agressão conjugal quando ele abriu fogo contra os agentes.

Os policiais revidaram, atingiram fatalmente o homem e também feriram uma mulher. Uma menina de 7 anos de idade que também estava no carro não ficou ferida.

O advogado da família foi responsável por revelar o parentesco com Fuller — as autoridades não confirmam a informação.

O corpo de Robert Fuller, de 24 anos, foi encontrado em 10 de junho pendurado em uma árvore. Inicialmente, as autoridades apontaram a morte como suicídio, mas prometeram continuar investigado o caso.

No dia 31 de maio, Malcolm Harsch, 38, foi encontrado em circunstâncias semelhantes em Victorville.

Autoridades informaram que o FBI, a promotoria dos EUA no Distrito Central da Califórnia e a Divisão de Direitos Civis do Departamento de Justiça dos EUA estão monitorando as investigações.

Protestos ocorreram nos Estados Unidos em virtude das mortes.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem