Acusado de matar o companheiro da ex em NH, brasileiro é preso na Flórida

O suspeito de ter assassinado um homem de Manchester (New Hampshire) em 2020 foi preso na cidade de Kissimmee (Flórida). A informação foi anunciada pelos investigadores na terça-feira, dia 12. Anderson Pereira, 42 anos, é acusado de homicídio em primeiro grau. Ele teria matado Zakhia Charabati, 42.

As autoridades disseram que o brasileiro permanecerá sob custódia na Flórida enquanto aguarda a extradição para New Hampshire.

Zakhia foi visto pela última vez no dia 12 de março de 2020, em sua casa, em Pasture Drive, Manchester. Ele foi dado como desaparecido dois dias depois, após não comparecer ao trabalho. Seu corpo foi recuperado pelo FBI em 9 de julho de 2020.

Os restos mortais estavam enterrados nos fundos de uma propriedade na 145 Milk Street, em Methuen, Massachusetts.

O carro de Zakhia já havia sido encontrado em Lawrence, Massachusetts. “A prisão de Anderson Pereira foi o resultado de uma investigação multijurisdicional sobre o desaparecimento e morte do senhor Zakhia Charabati. Além do Departamento de Polícia de Manchester, a polícia do Departamento de Polícia de Lawrence (Massachusetts), a Polícia do Estado de Massachusetts e o Federal Bureau of Investigation (FBI) participaram da investigação”, escreveram funcionários do Gabinete do Procurador-Geral de New Hampshire, John M. Formella, em um comunicado à imprensa.

A polícia chegou até o nome de Anderson como suspeito depois que a família monitorou o relógio utilizado por Zakhia, um Apple Watch. Através do GPS, o aparelho foi encontrado em uma lixeira próximo à divisa de Methuen com Lawrence. Um dos estabelecimentos nas imediações tinha um sistema de câmera de vigilância. Após uma análise, o suspeito foi visto se desfazendo dos pertences da vítima.

 

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem