Professor é preso por estupro de aluna de 13 anos em Goianésia

Um professor da rede pública de Goianésia foi preso suspeito de estuprar uma aluna de 13 anos.

O suspeito tem 30 anos e dá aulas de matemática.

Segundo a delegada Poliana Bergamo, foi o pai da vítima quem procurou a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) em novembro para denunciar o caso.

O mandado de prisão expedido em desfavor do professor foi cumprido na última sexta-feira, 21.

De acordo com a Polícia Civil, o pai da vítima começou a suspeitar da situação após ver mensagens do professor nas redes sociais da filha.

O homem teria perguntado se a menina teria “coragem de lhe enviar fotos íntimas”.

Os assédios teriam continuado ao ponto do professor levar a aluna para um motel em Goianésia.

Além da vítima já identificada, a delegada suspeita que outras alunas possam ter sido alvo do professor.

À investigação, testemunhas relataram que o professor fazia frequentes “brincadeiras” de cunho sexual dentro da sala de aula.

Há relatos ainda de que ele oferecia notas mais altas às alunas que se relacionassem com ele.

“Ele foi ouvido, interrogado e recolhido no presídio local”, disse a delegada.

Agora, o professor segue preso temporariamente pelo crime de estupro de vulnerável.

O código penal prevê pena de 8 a 15 anos para a prática de conjunção carnal ou prática de ato libidinoso com menor de 14 anos.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

WhatsApp Chat
Enviar Mensagem