EUA – Acusada de incentivar suicídio de namorado com SMS vai a júri em Massachusetts

Começou, nesta segunda-feira (5), o julgamento da jovem Michelle Carter, de 20 anos, acusada pela promotoria de Bristol, em Massachusetts, nos Estados Unidos, de encorajar o suicídio do namorado, em 2014. Via mensagem, Roy, de 18 anos, avisou à namorada, que tinha 17 anos à época, que pretendia se matar por meio de intoxicação por monóxido de carbono.

 Em um trecho das mensagens trocadas com Michelle, ele diz estar com dúvidas quanto ao que estava fazendo e avisa que teria saído do carro, estacionado no Kmart. “Volte para dentro”, teria respondido ela. Roy faleceu. A pedido da própria Michelle, o julgamento não terá júri e a sentença será proferida pelo juiz.

Coforme a NBC4, em fevereiro de 2015, Carter foi processada pela corte juvenil de New Bedford, onde foram apresentadas provas suficientes para acusar-lhe de homicídio culposo. Por ser menor de idade, Michelle pagou uma fiança de US$ 250 mil (cerca de R$ 1 milhão) e foi liberada.Os promotores, no entanto, resolveram buscar uma sentença mais severa, que pode chegar até 20 anos de reclusão.

A jovem é acusada agora de enviar dezenas de textos a Roy, nos quais o ajuda a planejar o suicídio. “Chegar de adiar. Chega de espera”, escreveu Michelle. Segundo o advogado dela, Aaron Hernandez, a jovem estava deprimida e teria ímpeto suicida, mas tentou persuadir o namorado a não se matar. Em uma mensagem enviada um mês antes da morte de Roy, ela teria dito: “Vamos ficar melhores e lutar com isso juntos”. Outro argumento de defesa é que Michelle estava apenas se expressando e não pode ser penalizada por isso.

  • COMPARTILHE
  • FONTE; NOTICIASAOMINUTO
  • POSTAGEM: SANDRA SERAFIM
Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

yoast seo premium free