Três crianças brasileiras são devolvidas para a mãe após 46 dias separados

Reportagem de Estelita Hass Carazzai na Folha informa que três irmãos brasileiros, de 8, 10 e 16 anos, foram reunidos à mãe na noite desta quarta-feira (11), após permanecerem quase dois meses em um abrigo nos Estados Unidos. Os quatro foram detidos ao atravessarem a fronteira dos EUA com o México, em maio. A mãe foi denunciada por crime de travessia ilegal, por causa da política de tolerância zero da administração de Donald Trump, e enviada a uma prisão.

Eles ficaram 46 dias separados. Encontraram-se na noite de quarta, em uma rodoviária, onde se abraçaram às lágrimas. Segundo a advogada de imigração Annelise Araújo, que representa a família, a união foi resultado de “insistência”, diz a Folha de S.Paulo.

Autoridades do abrigo exigiam documentos financeiros e pessoais de todos os adultos que iriam conviver com os menores, além de impressões digitais para a checagem de antecedentes criminais, complementa a publicação.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

yoast seo premium free