REDAÇÃO_ EUA: NA FLÓRIDA HOMEM ACUSADO DE MATAR UM PADRE PODERÁ SE LIVRAR DA PENA DE MORTE

Um homem acusado de matar um padre de Santo Agostinho que tentou ajudá-lo por meses disse que chegou a um acordo com promotores para se declarar culpado e evitar a pena de morte.

Murray disse  em uma chamada da prisão na terça-feira à noite que planeja se declarar culpado em uma audiência marcada para o dia 18 de outubro em troca de uma sentença de prisão perpétua sem a possibilidade de liberdade condicional.

Segundo ele: “É muito tempo, mas eu mereço. O padre Rene era um bom homem “, disse Murray 

A promotora do distrito do Circuito Judicial de Augusta, Natalie Paine, confirmou em um e-mail nesta quarta-feira que Murray terá uma audiência em 18 de outubro, mas disse que não poderia comentar sobre este assunto.

Se o acordo persistir, parece ser o que Robert teria desejado. O padre se opôs à pena de morte e assinou um documento há anos dizendo que, se ele morresse violentamente, ele não quereria que seu assassino fosse executado.

COMPARTILHE

REDAÇÃO: SANDRA SERAFIM/JORNALNEGOCIOFECHADOUSA.COM.BR

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

yoast seo premium free