Redação- EUA: Brasileiro coloca o brasil no top do CrossFit Games em W

Da redação – Segundo lugar na categoria para atletas de 16 e 17 anos, o carioca Guilherme Malheiros colocou o Brasil no pódio do CrossFit Games pela primeira vez. O jovem de 17 anos acumulou duas vitórias em dez provas disputadas e ficou atrás somente de Angelo Dicicco, bicampeão do principal evento de crossfit do mundo.

Outros brasileiros participaram do CrossFit Games 2017, em Madison, nos Estados Unidos. Luiza Marques, de 15 anos, terminou o evento como 12ª colocada na sua categoria. Na disputa entre os masters, Tiago Lopes ficou com a 16ª posição entre os homens de 40 a 44 anos e Cris Tourinho foi 10ª entre as mulheres de 45 a 49 anos.

Guilherme começou o CrossFit Games com tudo e fechou o primeiro dia de evento no primeiro quarto após levantar 291 libras (132 kg) no snatch. No segundo dia, ele conseguiu três 4º lugares nas três provas, fechando em 3º. No terceiro dia, garantiu o primeiro lugar na prova inaugural do dia, que tinha double Unders e snatches e saltou para o segundo posto na classificação. No domingo, Guilherme foi 3º lugar na primeira delas e 2º na última prova.

A categoria principal do CrossFit Games 2017 coroou o americano Mat Fraser pelo segundo ano consecutivo. Fraser venceu quatro de dez 10 provas, com 1132 pontos em 1300 possíveis e ainda quebrou seu próprio recorde, que era de 1096 pontos.

O canadense Brent Fikowski e o australiano Ricky Garard completaram o pódio. Entre as mulheres, a disputa foi ainda mais acirrada. Depois de dois vice-campeonatos no CrossFit Games, a australiana Tia-Clair Toomey (com 994 pontos), enfim, conquistou seu primeiro título. Ela liderou a competição nos três primeiros dias e superou a compatriota Kara Webb (992 pontos), com Annie Thorisdottir, da Islândia, como a terceira colocada.

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

yoast seo premium free