EUA – Brasileiro acusado de matar compatriota em Milford (MA) tem fiança de US$1 milhão

O brasileiro Jusselo Dias dos Reis, 44 anos, acusado de matar a facadas o compatriota Geraldo Carlos do Amaral, em meados de julho na North Bow Street, em Milford (Massachusetts) já está na cidade. Ele teve a sua primeira audiência nesta terça-feira, dia 08, onde foi determinada a fiança de US$1 milhão em dinheiro. Jusselo se declarou culpado de uma acusação de agressão agravada e lesão corporal.

As autoridades disseram que o caso ainda está sob investigação, e encargos adicionais podem ser incorporados no caso. Nenhum juiz de Milford estava disponível, por isso a audiência foi dirigida por Thomas Carrigan, um funcionário do magistrado.

O assistente do Procurador Distritral, Joseph Simmins pediu para uma alta fiança e alegou que o acusado enfrenta acusações relacionadas a um homicídio. Além disso, ele teve que ser “devolvido ao estado depois de fugir para New Jersey, onde foi preso”.

Como advogado de defesa, Randall K. Power não se opôs, e Carrigan determinou a fiança no valor de $1 milhão, agendando uma nova audiência para sexta-feira (11), assim que um juiz considere o caso. O policial estadual, Robert Parr, escreveu em uma declaração que, segundo relatos colhidos de testemunhas e imagens de vídeo, a vítima foi esfaqueada com uma faca de cozinha na manhã do dia 16 de Julho. De acordo com o escritório do Procurador do Condado de Worcester, os policiais encontraram o corpo envolto em sangue.

Os dois homens supostamente teriam iniciado uma discussão naquela noite que gerou uma briga e terminou com o assassinato. Autoridades também relataram que Dos Reis foi preso pela polícia do estado de New Jersey em 18 de julho, depois que os investigadores descobriram, que ele teria uma residência em Newark onde ganharia abrigo.

Ele foi preso sem incidentes. Na audiência desta terça-feira, Dos Reis precisou de um intérprete para entender a audiência. Ainda de acordo com assistente da Procuradoria, Dos Reis pode estar ilegalmente nos Estados Unidos, por isso o caso também foi comunicado ao Immigration and Customs Enforcement (ICE)

COMPARTILHE

POSTAGEM: SANDRA SERAFIM

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

yoast seo premium free