EUA -Brasileiro é suspeito de estuprar universitária nos Estados Unidos

Um brasileiro que mora em Washington, nos Estados Unidos, e trabalha para a Comissão de Direitos Humanos da Organização de Estados Americanos (OEA), é suspeito de violentar uma estudante, em Nova Orleans.

Segundo informações do portal G1, ele foi preso sob acusação de cometer estupro de terceiro grau, quando a vítima não está em condições de resistir, e pode pegar até 25 anos de prisão.

Depois de pagar fiança no valor de R$ 70 mil, ele teve permissão para deixar o estado da Louisiana. O suspeito deve se reapresentar novamente a um tribunal em 27 de abril. O caso ocorreu em fevereiro, mas só foi divulgado nessa terça-feira (4).

A vítima contou em depoimento que, para fazer uma favor ao seu orientador na universidade, resolveu ser anfitriã do brasileiro, enquanto ele estava na cidade, para ministrar palestra na Universidade Tulane.

De acordo com a estudante, após o evento, ela e as amigas saíram para beber junto com o brasileiro. No fim do passeio, os dois voltaram para casa, onde ela mora com o namorado, que não estava no local.

A vítima diz que lembra de ser estuprada no chão da sala e sentir muita dor. Em seguida, se lembra de ouvir seu namorado chegando em casa pela manhã e encontrar o brasileiro fazendo sexo com ela.

O namorado contou à polícia que tirou o brasileiro da casa e que a vítima parecia bastante alterada pelo álcool.

O advogado do brasileiro e a universidade não comentaram o assunto.

COMPARTILHE

FONTE: G1

POSTAGEM: SANDRA SERAFIM

Compartilhar:

0 Comentário(s)

Deixar Comentário

Login

Bem-vindo! Faça o login na sua conta

Lembrar-me Perdeu a senha?

Lost Password

yoast seo premium free